Turismo rural: já pensou colher frutas e verduras frescas para levar para casa?

Aos 76 anos, seu Adir Gasparin cuida da chácara de hortaliças e legumes como se fosse sua própria. Para ele, é algo precioso e que precisa de muito zelo. Desde os 14 anos, todos os dias, faça chuva ou faça sol, ele vai para a horta. Aprendeu com o pai como plantar e colher de forma consciente e sem uso de agrotóxicos.

E o que começou como um negócio entre amigos passou a ser comercializado até mesmo para a Argentina. E a herança de família agora é repassada para os filhos e netos, que se orgulham da trajetória e das conquistas do avô.

Essa é uma pequena história que mostra a força da agricultura familiares e dos pequenos produtores no turismo rural de Colombo, na região metropolitana de Curitiba. O espaço do seu Adir fica na região de Bacaetava e está aberto ao público durante toda a semana. O turista faz a própria colheita e paga o que quer levar, sempre com preço abaixo do mercado.

A cidade de Colombo é fortemente marcada pelos traços da imigração italiana. E quando se fala em cultura italiana, logo vem à mente a força da gastronomia. Justamente por esse perfil, muitas famílias que vivem na localidade mantém as raízes, começando como um pequeno negócio que hoje se tornou sucesso em todo o Paraná.

A empresária Velaine Poli herdou os dotes culinários da mãe, da avó e até da bisavó., mas nem sempre foi fácil. “Minha mãe já fazia tudo isso em casa, já tinha aprendido a fazer geleias, compostas, molho de tomate, e a gente resolveu abrir uma empresa em 1994”. A família trabalha unida para alavancar a empresa. Pais, filhos e uma amiga fazem o negócio ser fortalecido a cada dia.

“Hoje a gente vê nossa família trabalhando junto, então é uma empresa familiar. Temos bastantes funcionários e estamos expandindo, ainda com dificuldades, mas bem menores do que antigamente”, complementa Velaine.

Os sucos, compotas, geleias e conservas são feitas com produtos naturais. Tudo é preparado dentro da fábrica, que fica no mesmo quintal onde a família mora. O local funciona na região de Cercadinho e está aberto para visitação e para comprar os produtos.

Conheça mais sobre o turismo rural de Colombo com a matéria do SBT Notícias Paraná: