Cresce número de pessoas com nome social no cadastro eleitoral no Paraná

O Portal Estatísticas do Eleitorado revela que 1.796 pessoas possuem no cadastro eleitoral o nome social no Paraná. O eleitorado total no estado é de 8.475.632 de pessoas.

Nome social é aquele pelo qual as pessoas transgênero, travestis e transexuais preferem ser identificadas. Desde 2018, eleitoras e eleitores trans podem incluir o nome social no título de eleitor e assim serem também registrados na lista de votação na seção eleitoral.

Nas eleições de 2018, 388 pessoas constavam no cadastro eleitoral com o nome social no Paraná. Em 2020, eram 446. 

Em 2022, a alteração podia ser solicitada diretamente pela internet, no Autoatendimento ao Eleitor, até o fechamento do cadastro, em 4 de maio. O serviço estará novamente disponível a partir de 8 de novembro, depois das eleições.

Dados nacionais

No Brasil, 37.646 eleitoras e eleitores informaram o nome social à Justiça Eleitoral. O número equivale a um aumento de 373,83% em relação há quatro anos, quando a medida foi autorizada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e 7.945 brasileiras e brasileiros utilizaram o benefício. 

As pessoas que pretendem concorrer a algum cargo eletivo também podem utilizar o nome social nas urnas eletrônicas.

Informações do TRE-PR