Após 21 meses, Curitiba volta a registrar menos de 700 casos ativos de covid-19

Nesta quinta-feira (31), Curitiba registrou no último boletim da covid-19 639 casos ativos da doença. É a primeira vez desde o dia 15 de junho de 2020 que a capital tem menos de 700 casos ativos, correspondentes ao número de pessoas com potencial de transmissão do vírus. 

Há exatos dois meses, no dia 1 de fevereiro deste ano, Curitiba batia o recorde de casos ativos desde o início da pandemia, com 16.739 moradores com o coronavírus. Desde então, os números seguiram em queda, permitindo que a prefeitura do município acompanhasse o Governo do Paraná e retirasse a obrigatoriedade das máscaras em ambientes abertos, no dia 17 de março.  

Nesta semana, no dia 29, a medida começou a valer também para locais fechados, sendo obrigatório o uso do equipamento de proteção apenas nos serviços de saúde. 

Vacinação 

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), 81% da população de Curitiba está com o ciclo vacinal completo, ou seja, com as duas doses da vacina anticovid.  

A vacinação segue na capital, com repescagem da primeira dose e aplicação da segunda, terceira e quarta dose para os públicos convocados. O cronograma completo pode ser acessado no site Imuniza Já Curitiba.