Curitiba celebra 100 anos da Sociedade Ucraniana com programação especial

O centenário da Sociedade Ucraniana do Brasil será comemorado neste fim de semana, de 28 a 31 de julho, com uma programação realizada pela comunidade em parceria com a Fundação Cultural de Curitiba. A abertura oficial será na sexta-feira (29/7), às 19h, no Memorial de Curitiba, com a presença de autoridades e apresentação de danças folclóricas. O grupo canadense Pavlychenko Folclorique Ensemble será uma das atrações.

A festa do centenário integra a quarta edição do Dia da Ucrânia em Curitiba, evento organizado desde 2015, a cada dois anos, pelo Grupo Folclórico Barvinok, ligado à Sociedade Ucraniana. Em razão da pandemia, a edição de 2021 foi transferida para este ano. O evento também encerra a programação do Inverno Curitiba.

As comemorações começam na quinta-feira (28) com a exibição do filme Iván de volta ao passado, às 16h, na Cinemateca de Curitiba. Produção de 2012, dirigida por Guto Pasko, o documentário registra o emocionante retorno de Iván Bojko à Ucrânia, 68 anos depois de deixar a sua terra natal para viver como imigrante no Brasil. Aos 91 anos, ele não esperava que o sonho de retornar ao seu país ainda fosse acontecer. O filme documenta a viagem e o reencontro de Iván com familiares amigos.

O ato oficial em homenagem à mais antiga associação ucraniana no Brasil será na sexta-feira à noite. A sociedade foi fundada em 7 de julho de 1922 no Distrito de Dorizon, em Mallet, no interior do Paraná. Em 1932 transferiu-se para União da Vitória, e de lá veio para Curitiba em 1934.

Inicialmente, o objetivo primordial da Sociedade Ucraniana era acolher os imigrantes recém-chegados ao Brasil. Com o tempo, ela intensificou suas atividades no sentido de manter as tradições ucranianas através das danças, canções, língua e outros elementos culturais. Até hoje é uma das principais referências para os ucranianos que chegam ao país, como aqueles que vieram recentemente refugiados da guerra contra a Rússia.

As festividades continuam sábado e domingo, com uma série de apresentações folclóricas, das 9h às 18h, com grupos ucranianos do Paraná, Santa Catarina, Paraguai, Argentina e Canadá. Participam os grupos folclóricos Sonhachnek, de Cascavel; da Associação Vesna, de Roncador; Spomen, de Mallet; Fialka, de União da Vitória; Molodh, de Paulo Frontin; Soloveiko e Tchoven, de São José dos Pinhais; Barvinok e Poltava, de Curitiba; Ukrainska Duchá, de Itaiópolis, Vesná, de Mafra; Ballet Ucraniano Roksolana, de Misiones, Argentina; Ballet Prolisok del Centro de Danzas Ecem e Grupo Folclórico Ucraniano Kolos, do Paraguai; e Pavlychencko Folclorique Esemble, do Canadá.

Além das apresentações, no Memorial de Curitiba, haverá também um bazar para venda de artesanatos (bordados, porcelanas, pêssankas, bonecas de pano, artesanato em couro e madeira), barracas oferecendo produtos da culinária ucraniana (o tradicional pastel vareneky, bolachas decoradas, embutidos, sopa de beterraba, entre outros), e uma exposição de trajes típicos.

Informações da PMC.