Curitiba lança nova fase do programa de recuperação de asfalto

Uma nova fase do programa de recuperação da malha viária da Prefeitura vai assegurar mais 43 km de asfalto novo em 59 ruas de bairros de oito regionais da cidade. O lançamento da nova etapa foi feito nesta quinta-feira (28), pelo prefeito Rafael Greca, durante vistoria técnica na obra de requalificação do pavimento da Rua Napoleão Manosso, em Santa Felicidade.

O prefeito esteve acompanhado do vice-prefeito Eduardo Pimentel, do secretário municipal de Obras Públicas, Rodrigo Araújo Rodrigues, e da Administradora Regional de Santa Felicidade, Simone Chagas Lima.

A lista com as 59 ruas que receberão obras de melhoria está disponível no site da Prefeitura.

“Estamos começando um novo pacote de obras de fresa e recape, com pavimento de qualidade em 43 km de vias por toda a cidade. Os primeiros mil metros são na Rua Napoleão Manosso, tradicional via do bairro do frango com polenta, do radite e da galinha. Outros bairros também serão alcançados com a requalificação das vias que assegura qualidade de vida às pessoas”, disse Greca.

A nova etapa do programa tem três frentes de trabalho, com obras acontecendo simultaneamente em diferentes vias. Na Regional de Santa Felicidade serão beneficiadas também as ruas Martim Afonso e Professor João Falarz.

Máquinas na pista

Na Rua Napoleão Manosso as melhorias acontecem em 1.020 metros no trecho entre a Gerônimo Muraro e a Avenida Manoel Ribas. As obras serão concluídas na primeira semana de agosto e posteriormente a via receberá nova sinalização.

Devido à movimentação dos maquinários e das equipes de trabalho, em alguns trechos o trânsito está acontecendo em meia pista, com sinalização e orientação de agentes da Setran.

O serviço, coordenado pela Secretaria Municipal de Obras Públicas (Smop), tem como finalidade a restauração da camada asfáltica danificada, restabelecendo a qualidade estrutural do pavimento. Além de importante ligação com os bairros vizinhos e concentrar comércios e empresas, a via serve de rota para a linha de ônibus Ouro Verde.

A melhoria viária que agrada moradores e motoristas que circulam pelas ruas contempladas tem impacto também na geração de emprego e renda na cidade.

“São aproximadamente cem postos de trabalho a partir das obras desta nova etapa do programa de pavimentação do município”, diz o secretário municipal de Obras Públicas.

Rua movimentada

O empresário Toni Pianaro, morador do bairro há 79 anos, festeja as melhorias na via onde vive com a família. “Essa é uma rua movimentada, caminho de quem percorre os bairros da região, asfalto de boa qualidade é essencial para o conforto, a segurança e o desenvolvimento local. Santa Felicidade tem recebido boas melhorias, é um retrato do que é uma cidade bem-cuidada”, avaliou Pienaro.

Para Andrei Ziemmer, proprietário da empresa JJ Bebidas, há sete anos no local, a nova pavimentação representa, além de maior qualidade de vida aos moradores, incentivo ao comércio local.

“As pessoas circulam mais pelas ruas que estão em boas condições. Tudo o que é novo é melhor, especialmente se estamos falando em obra viária”, disse Ziemmer.

A aposentada Rosi Maria Ribeiro Cordeiro mora na região há 40 anos. “É um bem coletivo, são beneficiados os moradores, mas também as demais pessoas que circulam por aqui”, disse Rosi.

Outra melhoria recente na via foi a modernização no sistema de iluminação pública, com a substituição, em março, das luminárias convencionais por equipamentos na tecnologia LED.

A administradora regional de Santa Felicidade, Simone Chagas Lima acompanhou a vistoria da obra e entregou ao prefeito as demandas que foram apresentadas pelos moradores dos 12 bairros da área de abrangência da regional, no Fala Curitiba, o programa de audiências públicas da Prefeitura.

Recuperação do pavimento

Criado pelo prefeito Rafael Greca em 2017, o programa Asfalto Novo já assegurou 670 km de pavimento de boa qualidade em ruas das dez administrações regionais da cidade. Neste ano, alcançará mais 230 ruas em bairros das dez administrações regionais.

Também participaram da vistoria o assessor de articulação política Lucas Navarro, os engenheiros da Smop Diego Brandalize, Jociel Parolin e Rafael Muller e o diretor da Unidade Técnica de Infraestrutura de Pavimento da Smop, Moacir Silva.