FAS terá plantão para incluir e atualizar dados de famílias no Cadastro Único

A Fundação de Ação Social (FAS) de Curitiba fará plantões aos sábados para inclusão e atualização de dados de famílias em situação de vulnerabilidade social no Cadastro Único, sistema do Governo Federal que dá acesso a benefícios sociais. A medida foi adotada devido ao crescimento do número de pessoas que procuram o serviço, desde que foi anunciado o aumento do valor do programa Auxílio Brasil, no fim de junho.

Neste sábado (9), o atendimento será realizado nas regionais Boa Vista, Boqueirão, CIC, Cajuru, Pinheirinho e Tatuquara, em Centros de Referência de Assistência Social (Cras). O horário de funcionamento das unidades será das 8h às 17h. Apenas uma unidade, o Cras Vila São Pedro, na Regional Boqueirão, atenderá das 8h às 12h.

Na Regional Boa Vista, a unidade que estará aberta para atender as famílias será o Cras Bairro Alto, na Regional Boqueirão, os Cras Vila São Pedro, Alto Boqueirão e Boqueirão, e na CIC, o Cras Vila Sandra.

Na Regional Cajuru, o atendimento será no Cras União, na Regional Pinheirinho, no Cras Rua da Cidadania Pinheirinho, e na Regional Tatuquara, nos Cras Pompéia e Rio Bonito.

Nos dias 23 e 30 de julho será a vez da Regional Bairro Novo receber a população, nos Cras Madre Tereza, Bairro Novo e Xapinhal. A Regional Boqueirão terá novos plantões, também no dia 23, nos Cras Boqueirão, e no dia 30, no Cras Iguape. Os atendimentos serão realizados das 8h às 17h.

Cadastro importante

A superintendente de Gestão da FAS, Veranice Vieira de Lara Hayashida, explica que os plantões serão realizados nas unidades onde foram registrados aumentos na busca espontânea pelo serviço. “Estamos atentos a essa demanda e nos organizamos por entender a importância da oferta desse cadastro para que famílias em situação de vulnerabilidade social possam ter acesso aos programas de transferência de renda e outros benefícios”, diz.

Veranice ressalta que, além do crescimento da demanda em função do anúncio de aumento do Auxílio Brasil, a FAS adotou medidas para fazer frente ao aumento da procura pelo Cadastro Único, desde o início da pandemia da covid-19, quando milhares de pessoas perderam emprego e renda.

Atualmente, assim como nos Cras, a inclusão e atualização de dados no Cadastro Único podem ser feitas nos Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas), nos Centros de Referência Especializados para População em Situação de Rua (Centros Pop) e no Sine CIC.

Famílias

No último mês de junho, 156.017 famílias curitibanas estavam inscritas no Cadastro Único e, destas, 52.883 eram beneficiárias do programa Auxílio Brasil (substituiu o Bolsa Família, no final de 2021). Os números mostram um aumento de 11.052 famílias recebendo o benefício e de 14.035 famílias inscritas no sistema, em relação a outubro de 2021.

Informações da Prefeitura de Curitiba