Hospital em Curitiba faz mutirão de reconstrução de mama

O Hospital São Vicente Curitiba realiza no sábado (29), um mutirão de cirurgia plástica para reconstrução de mama de 12 pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). Na ação, que faz parte do Outubro Rosa, mês de conscientização do câncer de mama, foram selecionadas mulheres que já passaram pela retirada da mama (mastectomia) e que estão com expansor tecidual temporário. As próteses são doações da Motiva Implantes.

“Essa é uma forma de chamar a atenção para o procedimento, divulgar que é possível fazer a reconstrução e recuperar a qualidade de vida e autoestima da paciente após o tratamento do câncer de mama. Sabemos que, infelizmente, ainda existem pacientes que não sabem disso ou têm algum receio com relação à cirurgia de reconstrução”, explica o cirurgião plástico, Bruno Pieri.

Embora muitas mulheres que fizeram a retirada de mama não saibam, a Lei Federal número 12.802/2013 garante a elas o direito à cirurgia de reconstrução. Apesar disso, segundo dados da Revista Brasileira de Cirurgia Plástica, de 2021, no Brasil somente 20,52% das mulheres mastectomizadas realizam reconstrução de mamas com implantes. “É preciso lembrar que toda paciente tem direito garantido por lei de realizar a reconstrução da mama, se desejar”, ressalta o médico.

Apenas em 2022, a estimativa é que 66.500 mulheres sejam diagnosticadas com câncer de mama, segundo dados do Inca (Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva). As chances de cura e sucesso do tratamento estão diretamente relacionadas à detecção precoce e mudança de hábitos.

Participarão da ação uma equipe formada pelos cirurgiões plásticos: André Pazio, Anne Groth, Bruno Pieri, Carolina Peressuti, Luciano Grisotto, William Itikawa e Julian Zuniga; pelas instrumentadoras Maria Valdirene Mamus, Ana Paula Filipak, Mahalha Rodrigues, Soraya Constantino e Daniele Grabas, pelos anestesistas Marco Antonio Paviani, Daniel Bitar, Pedro Ferraz e Eduardo Bassoi Duarte, e  pela equipe de enfermagem do Centro Cirúrgico do Hospital São Vicente.