Mais nove linhas de ônibus em Curitiba passam a aceitar apenas cartão

Mais nove linhas de ônibus de Curitiba passaram a aceitar pagamento exclusivo com cartão-transporte, de débito ou de crédito, desde sábado (24). As linhas são: 010 Interbairros I (horário); 011 Interbairros I (anti-horário); 182 Abranches; 216 Cabral/Portão; 528 Boqueirão/Pinheirinho; 545 Trabalhador; 621 Fanny; 719 Fazendinha/Caiuá/Forum e X07 Especial S.Cercado.

Segundo a prefeitura, nestas linhas 80% das tarifas já são pagas por cartões. A maioria são linhas Alimentadoras, que fazem a conexão dos bairros com os terminais. “O cartão já vem naturalmente substituindo o dinheiro por ser mais prático, seguro e dar agilidade ao pagamento”, diz Ogeny Pedro Maia Neto, presidente da Urbanização de Curitiba (Urbs), que gerencia o transporte coletivo na cidade.

Com essa nova etapa, o número de linhas que aceitam exclusivamente pagamento com cartão passa para 222. Curitiba tem 254 linhas.

Além do cartão-transporte, que pode ser confeccionado gratuitamente, o passageiro pode pagar com cartões de débito, crédito e dispositivos por aproximação.

Segundo Maia Neto, a intenção é completar a mudança nas demais linhas até meados do próximo ano. Terminais e estações-tubo, porém, continuarão a aceitar dinheiro e cartões como pagamento da tarifa. A próxima etapa de migração deve ocorrer em janeiro de 2023.

Agendamento

A confecção da primeira via do cartão-transporte é gratuita. Para fazer o cartão, o usuário deve agendar atendimento pelo site da Urbs e depois comparecer nas unidades na Rua da Cidadania ou na Rodoferroviária.

Como fazer o cartão

Para fazer o cartão, é necessário levar ao local de atendimento documento de identificação com foto, CPF e comprovante de endereço.

No caso de menores de idade, o cartão pode ser solicitado pelos pais ou responsável legal, apresentando documento de identificação original com foto de ambos. Todas as unidades e o Urbs Móvel trabalham das 12h30 às 18h30 em dias úteis.

Informações da Prefeitura de Curitiba