Mutirão oferece 2,3 mil vagas para castração de cães e gatos no Tatuquara

O próximo mutirão de castração de cães e gatos da Rede de Proteção Animal da Prefeitura de Curitiba será na Regional Tatuquara, de 21 de março a 2 de abril. Os agendamentos para esta etapa começam nesta terça-feira (1º), a partir das 12h.

Para garantir uma das 2,3 mil vagas, tutores, protetores de animais e ONGs ligadas à causa devem entrar na área de eventos do site da Rede de Proteção Animal e fazer o login para verificar as datas e horários disponíveis.

Podem ser inscritos cães e gatos, machos e fêmeas, a partir dos cinco meses. Os tutores e protetores também devem estar com os cadastros em dia junto à Rede. 

Novas regras

Para se adequar às exigências da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), a partir deste agendamento, será necessário que os cadastros sejam validados em nome dos beneficiados. Isso significa que os protetores de animais podem continuar auxiliando a comunidade com as suas cotas de castração, mas as vagas devem ser destinadas a um beneficiário específico já no momento da marcação dos horários. 

“Isso porque precisamos que cada pessoa que tenha dados em nosso cadastro, o Sistema de Identificação Animal (SIA), esteja ciente disso e aceite os termos e condições”, explica o diretor de Pesquisa e Conservação da Fauna da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Edson Evaristo. 

Quem tiver o horário agendado em seu nome e não puder comparecer ao dia do mutirão, deve encaminhar uma procuração ao representante para que possa, dentre outras responsabilidades, assinar o termo de autorização da cirurgia. 

O modelo de procuração pode ser encontrado no link https://bit.ly/3teKPqu e será posteriormente também disponibilizado no portal da Rede de Proteção Animal.

Cuidados com a covid-19

A Secretaria do Meio Ambiente observa e acompanha as diretrizes da Secretaria Municipal de Saúde em relação à pandemia da covid-19. Os agendamentos seguem a recomendação de restrição de público nos espaços.

Quem levar os animais no dia do agendamento não pode apresentar sintomas gripais. A orientação é que pessoas com sintomas respiratórios devem manter-se em isolamento. Devem ser observados, ainda, o uso obrigatório de máscara pelos participantes, ventilação dos ambientes, oferta de álcool em gel 70% para higienização das mãos e distanciamento físico.

Informações da Prefeitura de Curitiba