Polícia investiga morte de influenciadora que morreu em pensão em Curitiba

Uma jovem de 24 anos foi encontrada morta na pensão onde o namorado vivia no bairro Boa Vista, em Curitiba, no último sábado (9). O rapaz chegou a ser preso em flagrante suspeito da morte, mas foi liberado. A polícia acredita que a vítima tenha morrido por overdose.

A jovem foi identificada como Marjorye Oliveira Gomes. Ela era influenciadora e cantora de funk. O socorro chegou a ser acionado pelo namorado e vizinhos, mas ela já estava morta. 

Marjorye morava com os pais e, na noite de sexta-feira (8), disse que iria para a casa do namorado, um rapaz de 20 anos, que morava na pensão.

Em depoimento à polícia, o namorado afirmou que Marjorye tinha usado cocaína quando se encontrou com ele. Durante a madrugada, ela quis sair para comprar mais drogas. Eles voltaram à pensão e o rapaz foi ao banheiro. Quando ele voltou ao quarto, encontrou a jovem já em convulsões.

O rapaz afirmou que tentou reanimar a moça e chamou o Samu. Porém, ela morreu antes do socorro chegar.

O namorado foi preso em flagrante e encaminhado preso à delegacia, sendo o principal suspeito da morte. Ele foi liberado porque, segundo o médico legista, não havia indícios de violência. 

A Polícia Civil segue com a ibvestigação do caso.