Restaurantes Populares de Curitiba voltam a servir almoço apenas no refeitório

A partir desta segunda-feira (6), as refeições nos cinco Restaurantes Populares de Curitiba (Matriz, Capanema, Sítio Cercado, CIC/Fazendinha e Pinheirinho) voltam a ser servidas apenas para consumo no refeitório. As marmitas para viagem, que passaram a ser opção durante a pandemia para evitar aglomerações dentro dos restaurantes, deixarão de ser servidas.

Curitiba segue a portaria federal nº 913/2022, que declara encerramento da emergência em saúde pública de importância nacional.

Mesmo com a medida, a Secretaria de Segurança Alimentar e Nutricional, órgão responsável pelos Restaurantes Populares, continua disponibilizando álcool em gel 70% e recomenda o uso da máscara dentro das unidades, retirando-as apenas para realizar a refeição.

A rede

Nos restaurantes populares de Curitiba, todos têm acesso a um cardápio balanceado por R$ 3. São 4,7 mil pessoas atendidas diariamente nos espaços administrados pela Secretaria Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (SMSAN), entre idosos carentes, pessoas em risco social e trabalhadores de baixa renda.

Para garantir a qualidade das refeições, cozinheiros, auxiliares, nutricionistas e técnicos em nutrição elaboram os cardápios nas cozinhas dos restaurantes da Matriz, Capanema, Sítio Cercado, CIC/Fazendinha e Pinheirinho. O cardápio muda todo dia e é formado sempre por seis itens: arroz, feijão, carne, um acompanhamento, salada e sobremesa.

Os locais ficam abertos para almoço de segunda à sexta-feira, das 10 horas às 14 horas (dependendo da unidade), e são fornecidas 1,8 mil refeições por dia no Restaurante Popular da Matriz, 500 no Capanema e 800 nos três outros pontos.

Informações da Prefeitura de Curitiba