Secretaria de Educação vai remanejar turmas de escola afetada por explosão

Uma equipe técnica da Coordenadoria de Obras e Projetos da Secretaria Municipal da Educação de Curitiba esteve na Escola Municipal Umuarama, no Capão Raso, na manhã desta quarta-feira (13) para avaliar os estragos causados por uma explosão ocorrida em uma residência vizinha à unidade escolar. 

Segundo os responsáveis pela avaliação, a escola não sofreu danos estruturais mais complexos e, por isso, não há riscos de desabamento. No entanto, foram registrados danos no muro que fazia divisa com o imóvel, na parede dos fundos da escola e parte do telhado.

Planejamento

A secretária municipal da Educação, Maria Silvia Bacila, esteve na Escola Umuarama para acompanhar o trabalho das equipes e prestar solidariedade às famílias atingidas.

“Estivemos presentes desde o início desta tragédia e acompanhamos todo o processo de dor dessas famílias”, lamenta. Estiveram também no local também a chefe do Núcleo Regional da Educação (NRE) Pinheirinho, Annemaria Kottel, e a vice-diretora da Escola Municipal Umuarama, Rosana Rompala.

Segundo Bacila, o foco das equipes agora é recuperar a unidade educacional e atender os estudantes da melhor forma possível, na própria Escola Umuarama nos locais que não foram atingidos e também remanejar o que for preciso para a unidade mais próxima para que os estudantes “possam dar continuidade ao seu processo educacional com tranquilidade”, explica a secretária.

Para que a comunidade escolar não seja prejudicada no retorno do recesso escolar, programado para o dia 26/7, uma turma no 5º ano vespertino deverá ser remanejada para a Escola Municipal Jornalista Cláudio Abramo. Equipes da escola e do Núcleo Regional da Educação do Pinheirinho entrarão em contato com as famílias, ainda nesta semana, para as orientações necessárias.

As informações são da Prefeitura Municipal de Curitiba.