‘Você tirou a vida do meu filho’: pai de motoboy atropelado por blogueira faz desabafo

O pai do motoboy Jheykson Medeiros, morto após acidente provocado pela blogueira Cassia Vialli Martins na noite do último sábado (3), em Curitiba, fez um forte desabafo nas redes sociais.

No vídeo, Almir Medeiros fala contra a influencer, que teria entrado na contramão após sair de um bar e atingiu a vítima. “O que você acha que você fez de bom, entrando naquela contramão alcoolizada? O que você acha que fez para mim?”, questiona o pai de Jheykson.

“Você tirou a vida do meu filho. Com 36 anos, Jheykson Roger Medeiros, deuxou um menino de sete anos e esposa. E deixou um pai arrasado, com o coração sangrando”.

Assista o vídeo:

Relembre o caso

Jheykson Medeiros foi atingido e morto por uma caminhonete que estava trafegando pela contramão, na Rua Paulo Setúbal, no Boqueirão, na noite de sábado (3).

Testemunhas revelam que a motorista do carro, a blogueira Cassia Vialli, estava em um bar, na região da Praça Menonita. Ela saiu do local e entrou em uma rua contramão. Nesse momento, atingiu o motociclista que seguia no sentido correto da via.

Após atingir Jheykson, a mulher desceu do carro e entrou em outro veículo, fugindo sem prestar socorro. A vítima morreu no local.

Na tarde de domingo (4), amigos e familiares de Jheykson fizeram um protesto no local do acidente. O homem, que estava trabalhando como motoboy, era casado e deixa um filho de 7 anos.

Cassia pode responder por homicídio culposo, qualificado por embriaguez e omissão de socorro. Ela se apresentou à delegacia nesta segunda-feira (5), e publicou um vídeo nas redes sociais assumindo a culpa.

O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil.