Dor e revolta marcam velório das cinco vítimas de tragédia na PR-317

Começaram na tarde desta quarta-feira (4) as cerimônias de velório das cinco pessoas que morreram num acidente de trânsito na PR-317, entre Toledo e Assis Chateubriand, na região oeste do Paraná. Elas estavam num Gol que bateu de frente contra um caminhão – de acordo com a Polícia Rodoviária Estadual, o caminhoneiro dirigia bêbado quando provocou a tragédia.

Os corpos de José Waldir Melão, Luzia da Silva Melão e Adriano Rodrigues da Silva, conhecido como Adriano Paraná, são velados no pavilhão da Igreja Matriz de Jesuítas, enquanto Dayane Aparecida Oliveira e Maria Varela de Lima serão veladas na capela mortuária da funerária. Ao mesmo tempo em que choram a perda de ente queridos, os presentes nas cerimônias querem justiça e pedem a punição do caminhoneiro, que ainda não teve a identidade revelada.

Caminhoneiro embriagado provoca acidente e mata cinco pessoas na PR-317

Identificados os cinco mortos em acidente causado por caminhoneiro bêbado

Os corpos foram liberados do Instituto Médico Legal (IML) de Toledo, para onde foram levados depois do acidente de terça-feira (3) à noite. O caminhoneiro responsável pela tragédia permanece preso na delegacia da Polícia Civil e deverá responder por cinco homicídios com dolo eventual (quando se assume o risco de causar a morte).

https://youtu.be/wtjTJGa4bVg