Governo do Paraná lança edital de construção da Ponte de Guaratuba

O governador Ratinho Junior (PSD) lançou nesta sexta-feira (1) o edital de contratação integrada dos projetos e da construção da Ponte de Guaratuba, já publicado em Diário Oficial, que inclui também os acessos entre o município e a cidade de Matinhos. Com 1.244 metros de extensão, a ponte terá uma seção estaiada de 320 metros, que vai permitir a navegação pela baía.

A ligação rodoviária deve integrar definitivamente o Litoral do Paraná e responde a uma antiga demanda da população local. Com a nova ponte, os veículos não vão mais depender exclusivamente do ferry-boat para atravessar a Baía de Guaratuba. No caso de caminhões que transportam cargas pesadas, haverá restrição de circulação pelo acesso.

“Chegamos finalmente a uma solução definitiva para um problema que a população de Guaratuba e todas aqueles que visitam a cidade, principalmente no verão, estavam cansados de sofrer, tirando do papel uma obra que alia a engenharia ao cuidado com o meio ambiente”, afirmou Ratinho Junior. “O projeto da Ponte de Guaratuba confirma que o nosso governo se destaca pelas grandes obras de infraestrutura, que trazem modernização e desenvolvimento ao Paraná”.

Atualmente, a travessia entre Guaratuba e Matinhos é feita somente por ferry-boat, com movimento estimado de 70 mil a 100 mil veículos por mês, número que salta para 200 mil na temporada de verão. O tempo de travessia deve reduzir dos mais de 30 minutos atuais, em média, para apenas dois minutos.

A licitação da nova Ponte de Guaratuba acontece na modalidade Contratação Integrada, sendo a primeira iniciativa do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) utilizando a Lei Federal 14.133/2021 (Lei de Licitações e Contratos Administrativos), regulamentada pelo Decreto Estadual nº 10.086/2022.

Os recursos da obra são do Governo do Estado e o orçamento é sigiloso, visando compelir as participantes a analisar cuidadosamente os documentos da licitação e anteprojeto da obra para elaborar suas propostas de preços.

Empresas e consórcios de empresas interessadas devem registrar suas propostas no ambiente de compras eletrônicas do Banco do Brasil, o portal www.licitacoes-e.com.br, até as 14h do dia 28 de setembro, com a sessão de disputa de lances sendo realizada meia hora depois, às 14h30, onde as participantes oferecem valores cada vez menores para executar o contrato. Elas terão acesso ao edital e seus anexos, incluindo o anteprojeto.

Será declarada arrematante a empresa ou consórcio que apresentar a proposta mais vantajosa à administração pública, tendo na sequência prazo de 72 horas para apresentar uma planilha de preços atualizada, bem como documentação de habilitação, para a análise da comissão de julgamento do DER/PR.

Informações da Agência Estadual de Notícias