Concurso da Guarda Municipal movimenta quase 10 mil pessoas no domingo

Neste domingo (7), a partir das 14h, milhares de candidatos prestarão as provas objetiva e discursiva do concurso da Guarda Municipal de Londrina, em diversos pontos da cidade. Os testes serão aplicados no campus da Universidade Estadual de Londrina (UEL), na Unicesumar e em alguns colégios estaduais, como o Vicente Rijo e Colégio de Aplicação da UEL.

Serão utilizadas quase 300 salas de locais distintos que obrigatoriamente devem ser verificados com precisão pelo candidato. As provas movimentarão, além dos próprios candidatos, as pessoas que vão trabalhar neste dia. Serão aproximadamente 1.000 pessoas trabalhando, de forma direta e indireta. Ao todo, 8.942 inscrições foram homologadas.

O local da aplicação das provas de cada candidato foi divulgado, anteriormente, no Cartão Informativo e está disponível para consulta no site da Coordenadoria de Processos Seletivos da UEL (COPS-UEL). Para consultá-lo, clique aqui. Caso haja dúvidas sobre cartão ou provas, é possível entrar em contato com a banca responsável pelo Concurso, pelo e-mail [email protected] ou pelo telefone (43) 3371-4393. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30 e das 14h às 17h30.

Os portões de acesso serão abertos às 13h20min e fechados, impreterivelmente, às 14h. As provas terão duração de quatro horas e serão de caráter eliminatório e classificatório. Os conteúdos incluem conhecimentos gerais (Língua Portuguesa, Matemática e Raciocínio Lógico) e conhecimentos específicos (História e Geografia de Londrina, Legislação Específica e Noções de Direito). Já a prova discursiva consistirá na avaliação de um relato (situação registrada em Boletim de Ocorrência).

O candidato deverá comparecer ao local designado para a realização das provas, com antecedência necessária, munido de lápis, borracha e caneta esferográfica transparente com tinta preta ou azul escura e, obrigatoriamente, de documento oficial de identificação em via original.

A secretária municipal de Recursos Humanos, Julliana Faggion Bellusci, deu algumas dicas aos candidatos. “Independentemente de qualquer coisa, compareça e realize a prova com tranquilidade. Não valorize a quantidade ou qualidade de uma concorrência, porque a disputa é primeiramente consigo mesmo. No mais, o candidato deve verificar, com pelo menos um dia de antecedência, o local correto onde vai fazer prova, bem como o ensalamento e os horários, além de lembrar-se de levar caneta esferográfica transparente com tinta preta ou azul e o documento pessoal com foto”, apontou.

A secretária destacou, ainda, que é importante ressaltar que a Prefeitura de Londrina é o maior empregador da cidade e, portanto, o maior propulsor da economia local. “Para nós, da Prefeitura, há uma grande expectativa de que o processo traga bons frutos para o município. A nossa intenção consiste na reposição do efetivo com as vagas já autorizadas e a formação de cadastro de reserva que permita novas contratações através deste concurso”, afirmou.

Para Bellusci, um outro ponto a destacar é que este é o primeiro concurso da Guarda Municipal com o viés de segurança pública. “Os certames realizados em 2009 e 2012, procuraram selecionar profissionais para atividades mais voltadas à segurança patrimonial. Já neste concurso de 2022, a seleção prima por um perfil profissional apto a atender todas as atribuições que foram concedidas aos guardas municipais no decorrer do tempo, sobretudo no sentido da defesa social em proteção da população londrinense”, salientou a secretária.

Próximas etapas

No mesmo dia da aplicação das provas, domingo (7), a partir das 21h, serão divulgados a Prova Objetiva e o gabarito oficial provisório das questões objetivas, no site da COPS, aqui.  A partir dessa data, os candidatos poderão interpor recursos referentes às questões objetivas até terça-feira (9), às 21h. O resultado será divulgado mediante publicação dos gabaritos oficiais definitivos às 17h do dia 19 de agosto de 2022.

Os candidatos classificados nas provas objetiva e discursiva passarão por um Teste de Aptidão Física (TAF), previsto para os dias 18 e 20 de setembro, de caráter eliminatório e da etapa admissional, que inclui a investigação de conduta do candidato, a habilitação para o Curso de Formação (investigação clínica e avaliação psicológica para o manuseio de armas de fogo), e ao Curso de Formação da Guarda Municipal, de caráter eliminatório.

Também haverá aptidão admissional, que é feita com exames e avaliações clínicas e psicológicas, para aferir o perfil profissiográfico. O edital de convocação, com horário e local para entrevista de confirmação da autodeclaração como afro-brasileiro, será publicado no dia 22 de agosto, às 17h, e as entrevistas estão previstas para serem realizadas nos dias 27 e 28 de agosto.