Polícia interrompe velório e corpo de influencer é levado para IML de Londrina

A Polícia Civil de Londrina investiga a morte da influenciadora digital Ellen Jacqueline da Silva, de 39 anos. Ela foi encontrada sem vida em um hotel da cidade na madrugada desta segunda-feira (28).

De acordo com a irmã da vítima, inicialmente, ela teria sido vítima de um aneurisma cerebral irreversível. No entanto, o velório da influencer foi interrompido pelos policiais para que o corpo passasse por exames no Instituto Médico Legal (IML). Os investigadores receberam uma denúncia anônima de que ela poderia ter sido vítima de feminicídio.

Segundo informações extraoficiais, Ellen tinha uma medida protetiva. Após os exames, o corpo foi encaminhado novamente para o sepultamento. Os exames devem ficar prontos na próxima semana. A polícia continua investigando o caso.

Fãs, amigos e familiares prestaram diversas homenagens nas redes sociais.

Informações do Portal Tem Londrina.