Tiroteio dentro de shopping no Paraná deixa uma pessoa morta

Uma pessoa foi morta a tiros dentro de um shopping de Londrina, na região Norte do Paraná, na manhã desta quinta-feira (24). O crime aconteceu na praça de alimentação e provocou correria e desespero entre as poucas pessoas que já estavam no ambiente, já que o centro comercial tinha acabado de abrir as portas.

De acordo com a Polícia Militar, o assassino entrou no shopping, procurou pela praça de alimentação e foi direto até um casal. Ele sacou a arma e atirou várias vezes contra as vítimas – testemunhas dizem ter ouvido pelo menos dez disparos. Um homem chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. A mulher teve lesões superficiais, mas precisou ser levada ao hospital por estar bastante abalada com a situação.

Ainda conforme relato da PM, ainda há muito o que se apurar em relação ao crime, mas já estão descartadas as possibilidades de latrocínio, tentativa de roubo ou crime passional. “A gente descarta a passionalidade nesse caso tendo em vista que há algumas informações que temos que preservar ainda para que a elucidação seja apropriada, mas existe um histórico por trás disso que envolve outras situações, seria talvez alguma pessoa que veio se vingar do casal por alguma razão”, explicou o tenente-coronel Nelson Villa Junior.

O casal morava em Rolândia e ainda não foi identificado. Após o crime, os clientes que já frequentavam o local foram orientados a entrar nas lojas porque, segundo as autoridades, o assassino ainda estaria dentro do centro comercial. Somente depois que todo o prédio foi revistado e o autor não foi encontrado, as pessoas foram liberadas e as lojas abriram as portas novamente.

O caso segue sob investigação da Polícia Civil e ainda não há informações detalhadas sobre a motivação para o caso.

A repórter Gabriela Morassi, da Rede Massa | SBT de Londrina, estava dentro do shopping quando a situação aconteceu e gravou vídeos mostrando a confusão dentro do local. Assista abaixo:

Com informações de Gabriela Morassi/Rede Massa.