UEL reitera início das aulas presenciais a partir de 24 de janeiro

A Câmara de Graduação da Universidade Estadual de Londrina (UEL) definiu que as aulas presenciais serão retomadas no dia 24 de janeiro, mantendo o planejamento aprovado pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe) em 25 de novembro, quando foi apresentada a Resolução que definiu as regras para o reinício das atividades acadêmicas do segundo semestre letivo de 2021.

Os membros da Câmara de Graduação decidiram seguir a minuta aprovada em novembro passado pelo Cepe, que indicou a presencialidade como regra e o ensino remoto emergencial, de modo excepcional.

Segundo a pró-reitora de Graduação, professora Marta Favaro, a Câmara aprovou uma proposição para o retorno escalonado a partir de 24 de janeiro. A cada semana, a universidade deverá aumentar o fluxo de estudantes com aulas presenciais, até o dia 7 de março, quando está previsto o retorno de 100% dos acadêmicos.

De acordo a proposição aprovada, baseada no planejamento previsto nos Planos Especiais de Matriz Curricular, no dia 24 de janeiro devem retornar às aulas presenciais 7.178 estudantes. No dia 31 de janeiro, o Câmpus da UEL receberá mais 1.412 acadêmicos.

Em 1º de fevereiro serão convocados ao retorno presencial outros 211. Em 7 de fevereiro mais 2.667 alunos. No dia 14 de fevereiro 509; em 21 de fevereiro 207; e em 7 de março 326. Os estudantes devem conferir no Plano de Matriz Curricular de seu curso qual a semana que sua turma retornará.

A pró-reitora salienta que é fundamental que todos os estudantes respondam ao mapeamento da situação vacinal até segunda-feira (17). O levantamento está disponível no Portal do Estudante, onde deve ser afixada a cópia da carteira de vacinação. Ela recomenda, ainda, que todos os estudantes façam a leitura do Plano de Contingenciamento da Covid-19 da UEL, que traz o passo a passo no caso de ocorrência de alguma contaminação entre os membros da comunidade universitária.

Informações da Agência Estadual de Notícias