Maringá recebe torneio inclusivo de tênis; atletas cadeirantes e andantes na mesma quadra

Se dá jogo, por que não? Esse é o lema do Torneio Inclusivo de Tênis Instituto Nara Timm, promovido pela ONG ULE – Universidade Livre do Esporte, organização sem fins lucrativos, em parceria com o Instituto Nara Timm. A disputa será realizada no próximo sábado (4), na sede do Clube Olímpico de Maringá. 

Atletas cadeirantes da ULE e andantes do clube vão participar de jogos em duplas mistas. A ideia é incentivar a inclusão de pessoas com deficiência física no esporte. A diretora administrativa da ULE, Denise Mendonça, ressaltou a importância de incluir a pessoa com deficiência na prática esportiva. “Nós temos que mostrar que podemos ter disputas espetaculares entre atletas cadeirantes e andantes. É sempre um jogo lindo com muito aprendizado pra todos”, lembra. Denise comenta ainda sobre a parceria com as instituições privadas que abrem as portas para eventos inclusivos. “Você aprende a aceitar o outro e quebrar paradigmas quando você se permite se aproximar. A nossa causa é transformar a vida das pessoas através do esporte. Entendemos que o esporte é uma das maneiras mais fáceis de promover a inclusão.”, destaca. 

O torneio faz parte do Circuito Inclusivo de Tênis do Instituto Nara Timm, instituição patrocinadora que atua em prol da inclusão. O evento ainda conta com o apoio da Secretaria Municipal de Esporte de Maringá e a colaboração de parceiros como a Associação Kings, Clube Olímpico de Maringá e Federação Paranaense de Tênis.