Polícia procura integrantes da ‘quadrilha da campainha’ em Maringá; vídeo mostra suspeitos agindo

Após duas vítimas procurarem a delegacia, a Polícia Civil de Maringá passou a investigar uma quadrilha que teria invadido duas residências da cidade no mês passado. O grupo seria composto por uma moça e três rapazes.

Os suspeitos usam uma tática antiga para saber se tem alguém nos imóveis que serão alvos do furto. A primeira pessoa a verificar é uma jovem, sempre muito bem vestida, que passa pela rua fingindo estar falando ao celular. Na sequência, ela toca a campainha para confirmar que não tem ninguém na residência e, só então, aciona os comparsas, que invadem o imóvel. Caso alguém atenda ao interfone, ela diz se tratar de um engano.

Em um dos arrombamentos praticados, a quadrilha levou mais de R$ 13 mil e relógios de marcas famosas. Um dos crimes ocorreu na Zona 2 e o outro no Jardim Monte Rei. A primeira suspeita dos investigadores é que os integrantes sejam de outra cidade.

Até o momento ninguém foi preso. A Polícia Civil pede a ajuda a população para que denuncie os suspeitos para a delegacia especializada na investigação de furtos e roubos. O telefone para contato é (44) 3309-3104.

Com informações do portal GMC Online.