Memorial em homenagem às vítimas da Covid-19 é entregue no Aeroparque

Desde o início da pandemia de Covid-19, foram 612 vidas perdidas em Paranaguá pela doença. Em um período em que o mundo inteiro passava por incertezas e buscava soluções contra a doença, profissionais de saúde unidos a diversos outros setores e secretarias municipais, lutavam para minimizar os efeitos do vírus e salvar vidas.

Após a chegada das vacinas, o número de óbitos e agravos pela doença começaram a cair, mas as marcas deixadas para aqueles que perderam amigos e familiares ainda são sentidas. Em respeito e para prestar uma homenagem às vítimas da Covid-19, na tarde desta terça-feira, 26, foi entregue um Memorial no Aeroparque.

O prefeito Marcelo Roque lembra que o espaço será um local para reflexão, de saudade e respeito às vítimas. “É um monumento em homenagem a cada pessoa que perdeu a vida por conta da Covid-19. O Memorial foi feito por servidores da Prefeitura de Paranaguá e pela equipe técnica de forma singela, mas com muito carinho e respeito. Podemos ter agora um pouco de tranquilidade com a vacina, mas é preciso manter todas as medidas e protocolos porque a vacina reduz o risco de agravos e óbitos, mas ainda estamos vivendo uma pandemia”, ressalta.

“Este é um momento de agradecer por estarmos aqui. Todos trabalharam muito para combater a doença, para evitar óbitos causados pela Covid-19. Foram barreiras sanitárias, decretos, a vacinação, entre outras ações. Equipes trabalhando durante o dia, à noite, finais de semana e feriados para levar a vacinação a cada parnanguara. Aos que partiram fica a saudade e este monumento será um local de respeito e lembrança de cada um deles”, observa o vice-prefeito José Carlos Borba.

Durante a solenidade de entrega do Memorial, de mãos dadas, os presentes oraram juntos e refletiram. “A luta contra a Covid-19 aconteceu em conjunto com todas as secretarias que se tornaram também Saúde em um momento tão difícil. Nos causa emoção a entrega deste memorial e lembramos de tudo que todos, Secretaria de Governo, prefeito Marcelo Roque, demais secretarias junto aos profissionais da Saúde lutamos para evitar mais mortes pela Covid-19 com a vacinação e medidas de prevenção. Foi um período muito difícil que hoje está mais tranquilo, mas a pandemia ainda não acabou e não podemos descuidar, por isso completar o esquema vacinal e manter medidas de prevenção são fundamentais”, frisa a secretária municipal de Saúde, Lígia Regina de Campos Cordeiro.

A entrega do Memorial foi marcada por muita emoção com relatos de pessoas que perderam parentes para a doença e outros que sofreram com os agravos causados, mas venceram a batalha.

“Nos emociona estar aqui, contar com um espaço de reflexão e para acalmar a saudade daqueles que perderam alguém para essa doença. Parabéns a todos os envolvidos na preparação deste monumento e ao prefeito Marcelo Roque pela sensibilidade. Pedimos a Deus que nos abençoe e que tenhamos a cada dia, um mundo melhor”, salienta o presidente da Câmara Municipal, vereador Fábio Santos.

Em respeito e em homenagem às vítimas, o coordenador da Unidade de Gerenciamento de Programas (UGP), Silvio Loyola pediu um minuto de silêncio. “Ao prefeito quero agradecer a confiança, mas acredito que nestes 22 de Prefeitura, esta é uma entrega atípica. A Covid-19 é a doença do século e trouxe muita tristeza e esse memorial é um monumento simples, mas construído pelas mãos dos funcionários da Prefeitura com todo respeito”, enfatiza.

Desde 19 de janeiro de 2021 quando a vacinação contra a Covid-19 foi iniciada em Paranaguá, 133.931 pessoas já receberam a vacina contra a doença.

Secretários municipais, a primeira dama Amanda Roque, os vereadores Ezequias Rederd (Maré), Renan Britto e Oséias Bisson, além da população em geral, participaram da entrega.

As informações são da Prefeitura de Paranaguá.