Transporte coletivo de Ponta Grossa segue paralisado

A greve foi anunciada no fim da noite da última quinta-feira (6) pelo Sindicato dos Motoristas e Trocadores de Ponta Grossa (Sintropas). A categoria completa dois meses de trabalho sem receber. A paralisação de 100% da frota foi anunciada logo após os trabalhadores receberem um comunicado da Viação Campos Gerais (VCG).

No comunicado a empresa informou que teria o dinheiro em conta para pagar integralmente o salário do mês de março que venceu no dia sete de abril. Mas que não teria como pagar porque as contas da empresa estão bloqueadas pela justiça. Durante a semana, o sindicato e a VCG pediam liberação do dinheiro bloqueado à empresa. Alegando que, por via judicial, haveria demora para os trabalhadores receberem. Mas a juíza não liberou o dinheiro porque disse não haver garantias de que a concessionária realmente vai quitar os salários porque já havia informado a justiça em outra petição que os valores em conta seriam insuficientes pra pagar a folha.

Veja mais detalhes sobre este caso na reportagem completa do Destaque Ponta Grossa e região desta segunda-feira (10):