Redução do ICMS será repassada aos postos de forma gradativa, diz sindicato

Postos de combustíveis que ainda não reduziram o preço da gasolina após a redução do ICMS devem baixar o valor nos próximos dias. O Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e Lojas de Conveniências do Estado do Paraná (Paranapetro) afirmou em nota que a baixa da alíquota está sendo repassada de forma gradativa pelas distribuidoras.

Assim, de acordo com o Paranapetro, “os postos de combustíveis tendem a repassar a baixa na mesma velocidade e proporção que forem recebendo as reduções das distribuidoras”.

O sindicato ainda pontou na nota que apoia a medida de redução do ICMS e que “vai beneficiar o consumidor e a sociedade como um todo, aquecendo a economia e combatendo a guerra fiscal entre estados”.

Redução da alíquota do ICMS

Na última sexta-feira (1), o Governo do Paraná anunciou a redução do ICMS, de 29% para 18%. A nova alíquota impacta no preço da gasolina e da energia elétrica.

O governo seguiu a lei aprovada pelo Congresso Nacional. Para a gasolina, os valores, na prática, terão uma queda estimada de R$ 0,50 a R$ 0,60 em cima do litro do combustível.