Acusado de agredir e deixar jovem com rosto desfigurado em Tapejara é condenado

Evaristo Aparecido Jordão, 36 anos, foi condenado há 16 anos e 2 meses pelo crime de agressão, contra Aline Ribeiro de Lima, 22 anos. As agressões que deixaram a jovem com o rosto desfigurado aconteceram em setembro de 2021 na cidade de Tapejara. O crime ganhou repercussão em todo Paraná.

A sentença condenatória saiu nesta terça (17), Jordão está preso desde novembro de 2021. Aline postou em suas redes sociais as informações sobre a condenação e disse: “Saiu a sentença: 16 anos e 2 meses, justiça foi feita”.

A mulher que foi vítima de lesão corporal também teve ferimentos nos órgãos genitais, após ter sido vítima do ex-namorado. O tempo está passando e Aline não esconde a felicidade em resgatar a auto estima, o sorriso no rosto e a vontade em incentivar outras mulheres a denunciarem qualquer tipo de violência, seja ela física, verbal, moral, financeira e entre tantas outras.

Com informações do portal O Bem Dito.