Taxista mata a esposa a tiros e tira a própria vida em Curitiba

A semana começa com mais um crime passional registrado em Curitiba. Na tarde desta segunda-feira (10), um homem matou a esposa a tiros e, em seguida, tirou a própria vida. O crime aconteceu na rua João Flygare Telles, na Vila Sandra, no bairro Cidade Industrial de Curitiba. As vítimas foram identificadas como Robinson Basso, de 72 anos, e Joslene Candattem Basso, de 52.

A filha das vítimas contou à Polícia Militar que os pais estavam em processo de separação e que o homem estava inconformado com isso. Nesta tarde, ela tinha ido até uma casa na mesma rua onde morava com o ex-marido para visitar seu neto. Vizinhos disseram ter visto Robinson do lado de fora da casa durante vários minutos, possivelmente aguardando a chegada da ex.

Foto: Alexandre Xavier/Rede Massa

Quando a mulher desembarcou do veículo pelo lado da motorista, ele se aproximou pelo lado do passageiro e deu um tiro de espingarda na cabeça da mulher, que já caiu sem vida no chão. Em seguida, ele deitou ao lado do corpo e deu um tiro na própria boca. Como sobreviveu, ele recarregou a arma e atirou novamente contra o próprio corpo, desta vez no peito. Ele não resistiu.

De acordo com o tenente Pedro Henrique Coradim, da Polícia Militar, houve um histórico de violência doméstica há muitos anos. Recentemente ele estava ameaçando a ex-mulher e Joslene já pensava em entrar com um pedido de medida protetiva.

O local foi isolado pela Polícia Militar e uma equipe da Polícia Científica foi acionada para fazer a perícia dentro da casa da família, onde o crime foi cometido. Os corpos foram recolhidos pelo instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.

Colaboração Alexandre Xavier/Rede Massa.