Sobe para 22 o número de vítimas do naufrágio em Belém

Outros dois corpos foram localizados durante as buscas neste domingo (11), por desaparecidos no naufrágio de uma lancha no Pará. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do estado, o número de mortos subiu para 22. O corpo de uma mulher foi localizado pelo helicóptero de buscas, boiando na região do acidente. A outra vítima, cujo o sexo não foi identificado, foi encontrada na embarcação naufragada. 

Ao todo já são 13 mulheres mortas, cinco homens, três crianças e uma pessoa ainda não identificada. Do total, 13 corpos foram levados para Marajó e outros cinco entregues a familiares em Belém. 

Todas as vítimas são submetidas a exames no Instituto Médico Legal (IML) e liberadas após identificação.  A polícia já ouviu 65 pessoas que estavam na embarcação, durante as investigações das causas do naufrágio e alguns já retornaram ao município de origem.

Um inquérito foi instaurado pela Polícia Civil do estado para apurar o caso. O Governo do Pará, por sua vez, alega já ter solicitado à Marinha a proibição da prestação de serviços pela empresa, e ainda acrescenta que, antes do acidente, duas embarcações haviam sido apreendidas.

Desta forma, as viagens eram realizadas por um terceiro barco, clandestinamente. O proprietário, Marcos de Souza Oliveira, segue foragido, mas, segundo a defesa, ele deve se entregar à polícia já nos próximos dias. Marcos alega que a embarcação afundou devido à força da correnteza na baía.

Informações SBT News