Sorveteria que vendia drogas é fechada pela polícia e proprietário é preso no Litoral do Paraná

Com informações da Polícia Civil

A Polícia Civil do Paraná descobriu uma sorveteria que vendia drogas, na quinta-feira (18), no Balneário Ipanema, em Pontal do Paraná, no Litoral do Estado. O proprietário do local, de 37 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas. No local foram localizadas 156 pedras de crack e R$ 1,3 mil.

A ação faz parte de operação da PCPR contra o tráfico de drogas no Litoral.  Os policiais civis cumpriram outros três mandados de busca e apreensão, sendo dois no Balneário Canoas, no mesmo município da sorveteria, e um no bairro Sítio Cercado, em Curitiba.

(Foto: Polícia Civil)

Balneário Canoas

Em uma residência os policiais apreenderam 1 quilo de crack, 28 gramas de cocaína, 287 gramas de maconha, invólucros para embalar as substâncias, duas balanças de precisão e um caderno de anotação.  

O proprietário da casa não estava no local. As investigações seguem a fim de identificar o responsável. 

Curitiba

Na capital os policiais prenderam um homem, de 37 anos, com mandado de prisão em aberto pelo tráfico de drogas. Durante as buscas nenhum material foi apreendido.