Turismo corporativo supera em 11,6% período pré-pandemia em setembro

O setor de viagens corporativas no Brasil superou em 11,6% o período pré-pandemia no terceiro trimestre deste ano. O dado, divulgado pela Associação Brasileira das Agências de Viagens Corporativas (Abracorp), aponta para faturamento de R$ 3,3 bilhões entre os meses de julho e setembro, contra R$ 2,9 bilhões no mesmo período de 2019. No acumulado do ano, a cifra chega a R$ 8,13 bilhões.

Segundo a entidade, o resultado é influenciado, principalmente, pelos setores de transporte aéreo e rodoviário. O levantamento mostra que o primeiro contabilizou mais de 65% do total faturado no terceiro trimestre de 2022, totalizando R$ 2,2 bilhões. Já o setor rodoviário teve um incremento de 140% no terceiro trimestre, quando comparado com 2019, e registrou mais de R$ 6,9 milhões.

Dados do Ministério do Turismo mostram que as viagens corporativas representaram 14,6% dos trajetos realizados em 2021 dentro do país. O carro particular ou da empresa foi o principal meio de veículo para locomoção para o tipo de viagem, correspondendo a 56,7%. Além disso, a pesquisa aponta que 28,3% dos viajantes se hospedaram em hotéis, resorts ou flats no período.

Informações SBT News