Aquisição de pacotes de viagem exige cautela do consumidor, alerta Procon/PR

O Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-PR), da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf), alerta consumidores sobre a compra de pacotes turísticos, que, por algum descuido, podem descontrolar o orçamento e transformar o lazer em dor de cabeça. A primeira providência é ter cautela para encontrar uma boa agência de viagens. Também é preciso cuidar com promessas vazias neste período de Black Friday e viagens de fim de ano.

A diretora do Procon, Cláudia Silvano, aconselha os viajantes a pesquisarem a idoneidade das empresas de turismo. “Saiba mais sobre a empresa antes de comprar um pacote, para ter certeza de que a empresa escolhida é séria e não possui reclamações”, destacou.

Também é fundamental, segundo ela, saber o que consta nos pacotes adquiridos pelo consumidor. “Por exemplo, é muito importante observar o número de diárias e refeições oferecidas, além de passeios”, disse.

Se a viagem envolver menores de idade, o cuidado deve ser redobrado. É fundamental que, quando as crianças viajam sozinhas, para acampamentos e colônias, os pais ou responsáveis verifiquem em contrato todas condições da hospedagem para que seja cumprido o que foi combinado na compra do pacote.

Também é aconselhável que o consumidor guarde folhetos e outros materiais que podem servir como prova em uma eventual necessidade.

Pessoas que tiverem problemas ou que queiram mais dicas de cuidados com relação a direitos do consumidor podem conferir mais informações em www.procon.pr.gov.br.

Informações Agência Estadual de Notícias