Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Menos de 2% da população brasileira doa sangue com regularidade

(Foto: Arquivo / Agência Brasil) - Menos de 2% da população brasileira doa sangue com regularidade
(Foto: Arquivo / Agência Brasil)

Uma pessoa, um gesto, três vidas salvas. Essa equação simples representa o ato de doar sangue, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Nesta sexta-feira (25) é celebrado o Dia Nacional do Doador de Sangue, com o objetivo de reconhecer a atitude e ressaltar a importância da doação de sangue e dos voluntários.

No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, 1,8% da população doa sangue com regularidade. O percentual fica um pouco abaixo do ideal estimado pela Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), de 2% da população, como necessário para suprir as necessidades de sangue e outros componentes sanguíneos de um país. Em média, os países da América Latina e do Caribe coletam sangue equivalente a 1,5% de sua população. A OMS recomenda que, pelo menos, 1% da população seja doadora de sangue.

De acordo com o ministério, no ano passado cerca de 1 milhão de pessoas doaram sangue pela primeira vez, o que representa 38% do total das doações. Mais 1,6 milhão de pessoas, ou 62% do total, retornaram para doar. Em 2015, foram feitas 3,7 milhões de coletas de bolsa de sangue no país, resultando em 3,3 milhões de transfusões.

Apesar desses número, os serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) e da Hemorrede Pública Nacional encontram-se com os estoques no limite e com dificuldade na manutenção dos estoques estratégicos. Por isso, é importante a conscientização sobre a importância da doação.

Paraná

O Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná (Hemepar) realiza hoje uma homenagem para empresas que incentivam a doação de sangue. Dezoito corporações vão receber o selo "Parceiro da Doação de Sangue". Além disto, o órgão firmou uma parceria com o aplicativo Uber para desconto de R$ 20 nas corridas de ida e volta até o Hemepar. A iniciativa vale até este sábado (26). O desconto é válido para o Hemepar de Curitiba, localizado na Travessa João Prosdócimo, 145; e para o Hemocentro do HU Londrina, que fica na Rua Cláudio Donizete Cavalieri, 156. Para participar é necessário baixar o aplicativo no celular, solicitar o carro e inserir o código promocional na aba ‘Pagamento’. Para Curitiba o código é ‘vidact’ e, para Londrina, ‘vida pr’.

O Governo do Estado lançou uma nova campanha que está sendo veiculada nas redes sociais para conscientizar a população sobre a importância de doações de sangue frequentes. Com o tema ‘Sangue - eu doo sempre’, o comercial convida a população a doar sangue pelo menos três vezes ao ano.  O objetivo é mostrar a importância da doação num momento em que o Paraná reforça o trabalho de captação, processamento e distribuição de sangue para ampliar o atendimento aos hospitais vinculados ao SUS, alcançando 100% de cobertura dos leitos SUS no Estado.

Como doar

Para doar no Brasil é preciso ter idade entre 16 e 69 anos. Para os menores (entre 16 e 18 anos) é necessário o consentimento dos responsáveis. Entre 60 e 69 anos, a pessoa só poderá doar se já tiver feito alguma doação antes dos 60. Também é preciso pesar no mínimo 50 quilos e estar em bom estado de saúde.

Além disso, o doador tem que estar descansado, não ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à doação, não fumar e não estar em jejum. No dia da doação, é imprescindível levar documento de identidade com foto. No Brasil, a doação é voluntária e beneficia qualquer pessoa, independentemente de parentesco.

Colaboração Agência Brasil e Agência Estadual de Notícias