Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

PM procura menores da Fundação Casa que fugiram durante visita ao Corinthians

A Policia Militar está realizando buscas pela zona leste de São Paulo, para capturar os internos da Fundação Casa, que fugiram durante uma visita ao Corinthians, na manhã de terça-feira, no bairro do Tatuapé. Ao todo, 20 adolescentes que cumprem medida socioeducativa nos centros da Vila Maria participaram da atividade. Destes, 12 escaparam e três foram pegos. Os outros nove seguem desaparecidos.

Com ajuda de três homens armados, os menores renderam os seguranças e correram. Os que foram capturados passarão por uma Comissão de Avaliação Disciplinar (CAD), que definirá possíveis punições.

Ainda na terça, a Corregedoria Geral da Fundação, instaurou uma sindicância para apurar o resgate, enquanto a Polícia Civil investiga o acontecido. Segundo o time paulista, não houve danos ao patrimônio e nenhum associado ou funcionário foi confrontado.

A parceria entre Corinthians, Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Tribunal de Justiça de São Paulo e Fundação Casa, teve início há seis anos. O objetivo do programa "Começar de Novo" é a ressocialização de jovens em conflito com a lei no Estado.

Nota oficial

Em nota o Corinthians afirma que "desde 2010, tem um termo de acordo de cooperação técnica firmado com o Conselho Nacional de Justiça, o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo e a Fundação Casa que visa cooperar com as atividades da fundação, cedendo um horário e uma quadra para essas atividades esportivas. Semanalmente, eles comparecem ao clube com os menores, trazendo segurança e estrutura próprias".

O time diz que soube através de sua segurança que três indivíduos armados entraram no clube e saíram acompanhados com 12 menores. "Não houve nenhum tipo de dano ao patrimônio do clube, nem confronto ou abordagem a associados e/ou funcionários do Corinthians", diz nota.

O Corinthians esclarece ainda que vai prestar apoio à Fundação Casa e as autoridades competentes.