Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Secretaria de Habitação de SP diz que não negocia enquanto MTST ocupar sede

Dois dias depois do início da ocupação da Secretaria de Estado da Habitação de São Paulo, o titular da pasta, Rodrigo Garcia, informou nesta sexta-feira, 8, que suspendeu as negociações com o Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST). Cerca de cem militantes do movimento ocupam o prédio, no centro de São Paulo, desde a tarde da última quarta-feira, 6.

Eles exigem alternativas de moradia para as 8 mil famílias que vivem na Ocupação Povo Sem Medo, em São Bernardo do Campo, no ABC paulista. No final de outubro, moradores e apoiadores fizeram uma caminhada de mais de 20 km para pressionar o governo do Estado de São Paulo a desapropriar a área, que pertence a uma construtora.

O coordenador nacional do MTST, Guilherme Boulos, disse que o grupo vai resistir dentro do prédio público, assim como os moradores da ocupação pretendem resistir a uma possível ação de reintegração de posse. A Justiça já autorizou que o despejo seja feito pela Polícia Militar (PM), mas determinou a mediação de uma nova tentativa de acordo entre as partes, em reunião marcada para a próxima segunda-feira, 11, no Grupo de Apoio às Ordens Judiciais de Reintegração de Posse (Gaorp) do Tribunal de Justiça (TJSP).

Comemoração

Neste domingo, 10, o MTST comemora os 20 anos da fundação do movimento em evento no Largo da Batata, na zona oeste de São Paulo. Um show do cantor Caetano Veloso está confirmado e foi autorizado pela subprefeitura do bairro de Pinheiros. A apresentação, prevista para as 18 horas, terá a participação de Criolo, Maria Gadu e Péricles.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo