Avião da FAB com brasileiros resgatados em Israel chega a Brasília

Com a colaboração de Estadão Conteúdo

Por Redação O Estado de S. Paulo

brasileiros-resgatados-em-israel
Foto: Cláudio Reis/Enquadrar/Estadão Conteúdo

São Paulo, 11 – O primeiro avião enviado pela Força Aérea Brasileira (FAB) para resgate dos brasileiros em Israel chegou a Brasília na madrugada desta quarta-feira, 11, por volta das 4h da manhã. O voo que partiu de Tel Aviv às 12h (horário de Brasília) de terça-feira, 10, trouxe 211 repatriados.

Segundo Ministério das Relações Exteriores, outras cinco aeronaves estão previstas para serem enviadas até domingo, 15, com objetivo de resgatar os brasileiros que continuam no país enquanto o conflito entre Israel e o grupo terrorista Hamas continua na Faixa de Gaza e no território israelense. A segunda e a terceira aeronave decolaram ainda na terça.

Após embarque, o governo publicou vídeo em que mostrava o primeiro avião já a caminho do Brasil.

O governo israelense autorizou o envio de dois aviões do Brasil para o resgate de cidadãos do País na segunda-feira, 9. A aeronave da FAB já estava em Roma (Itália) quando a autorização foi concedida, após sair do Rio Grande do Norte no domingo.

O KC-30 é a maior aeronave da FAB e consegue voar uma distância de 14,5 mil quilômetros. De acordo com a FAB, outros dois aviões deste modelo serão utilizados na missão em Israel, além de dois KC-390 e dois VC-2.

Segundo o Palácio do Itamaraty, mais de 2.000 brasileiros já procuraram as autoridades para retornar ao País.

Em nota, o Ministério afirmou que a Embaixada em Tel Aviv ainda estaria recebendo, por meio de formulário online, pedidos de brasileiros interessados em repatriação. “O Ministério das Relações Exteriores reitera a orientação no sentido de todos os nacionais que possuam passagens aéreas, ou condições de adquiri-las, embarquem em voos comerciais a partir do aeroporto Ben-Gurion, que continua a operar”.

Os candidatos à repatriação devem seguir critérios de prioridade Em um primeiro momento, residentes no Brasil sem passagem aérea serão priorizados.

As decolagens de Tel-Aviv e de outras localidades do Oriente Médio com brasileiros resgatados devem ocorrer até esta quarta-feira (12). A ideia é que os cidadãos sejam levados até os aeroportos pela manhã, para evitar que se desloquem por terra durante a madrugada.

Brasileiros em Gaza

Um grupo de 25 brasileiros que estavam em Gaza e pediram ajuda para serem repatriados estão reunidos e devem seguir para o Egito, que faz fronteira com o enclave palestino, onde devem ser resgatados.

O Brasil negocia com o Egito para que o grupo possa entrar no país, que atualmente impõe um bloqueio a Gaza.

A saída pelo Egito é a única alternativa para os brasileiros que estão no local, já que a Faixa de Gaza está bloqueada por Israel, impossibilitando que eles sejam resgatados pela FAB nos voos de Tel Aviv.

Até o momento, o conflito deixou dois brasileiros que estavam em uma festa rave próximo à Gaza mortos. Bruna Valeanu e Ranani Glazer, ambos com 24 anos, tiveram as mortes confirmadas pelas famílias.

Entre no grupo do Massa News
e receba as principais noticias
direto no seu WhatsApp!
ENTRAR NO GRUPO
Compartilhe essa matéria nas redes sociais
Ative as notificações e fique por dentro das notícias
Ativar notificações
Dá o play Assista aos principais vídeos de hoje
Colunistas A opinião em forma de notícia
Alisha
Alorino
Antônio Carlos
Bianca Granado
Camila Santos
Edvaldo Corrêa
Elaine Damasceno
Fabiano Tavares
Gabriel Pianaro
Giselle Suardi
Guilherme C Carneiro
Mateus Afonso
Mauro Mueller
Oseias Gomes
Papai em Dobro
Tais Targa