Casal encontra câmera escondida em apartamento alugado pelo Airbnb

A Polícia Civil do Rio de Janeiro informou, nesta quarta-feira (16), que está investigando a denúncia de uma câmera escondida instalada dentro de um apartamento alugado pela plataforma Airbnb. Segundo os agentes, a ocorrência, feita por um casal, foi registrada na 12ª DP de Copacabana e “está em andamento para esclarecer os fatos”.

Ana Lúcia Bezerra e Júlia Stoppa, que estavam passando uma temporada no apartamento alugado, encontraram o equipamento dentro de um armário de frente para a cama. Pelas redes sociais, as jovens, que são de Goiânia, informaram que descobriram a câmera quando estavam deitadas e notaram um “brilho” saindo da porta do móvel.

Após procurarem as autoridades, o casal denunciou o dono do apartamento ao Airbnb, mas ainda esperam retorno da plataforma. “Infelizmente o Airbnb não está auxiliando a gente, mas está chegando muita prova contra o dono do apartamento. Muitas histórias de pessoas que já se hospedaram lá e desconfiaram da existência de câmeras”, disse Júlia.

Em nota, o Airbnb disse que condena qualquer postura ou atitude que viole a privacidade dos usuários e que está avaliando o ocorrido. Apesar de ter desativado o anúncio e suspendido o perfil do anfitrião, a empresa não informou se adotará medidas jurídicas contra o proprietário.

“A plataforma possui regras e Termos de Serviço e quaisquer violações estão sujeitas às medidas cabíveis, como suspensão da conta e/ou banimento na plataforma. Caso um hóspede encontre uma câmera em algum cômodo privado, o Airbnb possui uma Central de Ajuda 24 horas, 7 dias por semana, com atendimento em 42 idiomas”, disse a empresa.

Informações SBT New