Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Câncer de próstata é o segundo mais comum entre homens, alerta INCA

(Foto: Divulgação) - Câncer de próstata é o segundo mais comum entre homens, alerta INCA
(Foto: Divulgação)

Dedicada à conscientização para a prevenção ao câncer de próstata, a Campanha Novembro Azul também alerta para os riscos da doença. Estima-se que mais de 61 mil novos casos sejam descobertos em 2016, e um diagnóstico precoce pode ser fundamental para um tratamento mais eficaz.

Considerado uma doença de terceira idade, já que cerca de três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens no Brasil, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA).

Analisando ambos os sexos, ele é o quarto mais comum e possui taxa incidência maior nos países desenvolvidos em comparação aos países em desenvolvimento. Há também uma relação da doença com o estresse: estudo da Universidade de Melbourne, na Austrália, mostrou que os hormônios ligados ao estresse afetam o sistema linfático e aumentam as chances do câncer se espalhar pelo organismo.

Saúde sexual

A psicóloga e sexóloga Priscila Junqueira, afirma que o câncer pode afetar a saúde sexual do homem por meio da disfunção erétil, causando outros sintomas psicológicos. “A razão para isso é simples: toda região que controla o aspecto físico de uma ereção é incrivelmente delicada, e qualquer traumatismo nesta região provocará alterações”. A profissional explica que a terapia sexual pode trazer benefícios para a saúde sexual, mental e global masculina, auxiliando o homem a cuidar das consequências do câncer.

Colaboração assessoria de imprensa e Louise Fiala