Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Pequeno Cotolengo recebe mais recursos para pacientes

(Foto: Divulgação) - Pequeno Cotolengo recebe mais recursos para pacientes
(Foto: Divulgação)

A Prefeitura de Curitiba aumentou o valor dos recursos repassados todos os meses ao Pequeno Cotolengo. Neste domingo (5), o prefeito Rafael Greca assinou o convênio que, além de aumentar o valor dos recursos repassados, eleva de 17 para 60 os moradores com doenças severas que receberão o auxílio financeiro do município.

Até o ano passado a Prefeitura repassava R$ 1,6 mil por mês por pessoa para um grupo de 17 moradores do Pequeno Cotolengo. Com a assinatura do convênio neste domingo, o valor do repasse passou para R$ 3 mil mensais por morador e vai beneficiar 60 pessoas que vivem na instituição.

“O Pequeno Cotolengo, essa casa, é o símbolo da força da Divina Providência. Curitiba tem orgulho do Pequeno Cotolengo e a renovação do convênio com a duplicação do valor e a sua extensão a mais internos significa a minha disposição de participar do jubileu de 50 anos da instituição”, afirmou o prefeito Rafael Greca.

A assinatura do convênio foi após a missa celebrada no Pequeno Cotolengo. O diretor presidente da instituição, padre Renaldo Amauri Lopes, lembrou que o prefeito Rafael Greca atendeu rapidamente aos pedidos de renovação e aumento do valor per capita repassado à instituição.

“Em menos de uma semana o prefeito atendeu o nosso pedido. A Prefeitura tem demonstrado muito carinho com a população da cidade”, disse o padre Renaldo. Após a assinatura do convênio, o prefeito também participou da reinauguração do Lar Anjo da Guarda, que foi todo revitalizado através de recursos vindos de incentivos fiscais.

Também participaram da solenidade o secretário municipal da Saúde, João Carlos Baracho, o secretário de Estado da Saúde, Michele Caputo Neto, o deputado federal Luciano Ducci, o ex-deputado federal Doutor Rosinha, o coordenador das Administrações Regionais, José Dirceu de Matos, os administradores Regionais da Fazendinha/Portão, Gerson Cunha, e de Santa Felicidade, Simone das Graça das Chagas Lima, e representantes da Fundação de Ação Social (FAS).

Com informações da Prefeitura de Curitiba