Decreto muda regras para concursos; entenda

O presidente Jair Bolsonaro (PL) publicou nesta terça-feira (27), no Diário Oficial da União, um decreto que muda os critérios de reprovação automática por má colocação em concursos públicos. A partir de agora, as autoridade máximas responsáveis pelas provas com editais com 30 vagas ou mais podem convocar o triplo da quantidade de vagas. A nova regra é valida em certames de duas etapas ou mais etapas, como concursos com curso de formação. 

A medida ainda prevê a retirada da necessidade de autorização do Ministério Economia para a prorrogação de validade de concursos públicos em geral.  

“Espera-se que com a medida seja possível racionalizar o aproveitamento de candidatos em concursos públicos com curso de formação, em especial os envolvendo pessoal da Polícia Federal e Pessoal da Polícia Rodoviária Federal”, afirma a pasta em comunicado à imprensa.

Informações de SBT News