Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Aplicativos de transporte já pagaram R$ 3,6 milhões à Prefeitura

(Foto: Reprodução) - Aplicativos de transporte já pagaram R$ 3,6 milhões à Prefeitura
(Foto: Reprodução)

Em três meses, as plataformas Uber, Cabify e 99 Pop já pagaram R$ 3,6 milhões à Prefeitura de Curitiba, resultado das cobranças feitas após a regulamentação do serviço de transporte particular por aplicativo na cidade. Segundo a prefeitura, ‘O valor se refere ao preço público pago pelas empresas pelo uso intensivo da infraestrutura urbana na exploração comercial do serviço que vendem aos consumidores’.

Para um comparativo, os taxistas pagam R$ 4,5 milhões por ano – em valores de outorga, ou seja, os 3 mil taxistas pagam R$ 1.350, cada e uma taxa de administração de R$ 162.

“A seguir o desempenho inicial, o transporte compartilhado destinará aos cofres municipais R$ 10 milhões a mais ao longo de um ano”, disse o secretário de Planejamento, Finanças e Orçamento, Vitor Puppi.

De acordo com a regulamentação do serviço, as empresas pagam por quilômetro rodado de seus veículos em três diferentes faixas: R$ 0,08 por quilômetro para corridas de até 5 km; R$ 0,05 para corridas entre 5 e 10 km; e R$ 0,03 para corridas acima de 10 km. O valor é recolhido até o quinto dia útil de cada mês, referente ao mês anterior.

Com informações da SMCS

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo