Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Confiança do micro e pequeno empresário vai a maior nível desde maio de 2015

(Foto: Divulgação) - Confiança do micro e pequeno empresário vai a maior nível desde 2015
(Foto: Divulgação)

O Indicador de Confiança da Micro e Pequena Empresa de Varejo e Serviços (ICMPE) atingiu 50,6 pontos em outubro, maior nível desde maio de 2015. O indicador, calculado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), estava em 38,7 pontos em outubro do ano passado.

O levantamento leva em conta a percepção econômica dos últimos seis meses e as expectativas econômicas dos MPEs e mostrou que 71,1% dos empresários consideram que houve piora na economia do último semestre. Além disso, 56,9% afirmaram que seus negócios também pioraram, sendo a crise o principal motivo.

Em relação às perspectivas econômicas, 53,2% dos MPEs de varejo e serviços se declararam confiantes com o futuro da economia brasileira. Em outubro de 2015, esse item registrava 31%. Dos que se disseram pessimistas a respeito da economia, 34,1% afirmaram ser por causa das incertezas políticas. Em relação ao próprio negócio, 69% se mostraram confiante.