Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Eletrobras estuda a instalação de mais 21 mil MW em usinas a partir de 2022

O presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Júnior, afirmou que a empresa estuda oportunidades de instalação de usinas que somam capacidade de 21 mil megawatts (MW). Esses projetos entrariam em operação a partir de 2022.

Entre as hidrelétricas que devem contribuir com o aumento da capacidade da Eletrobras está a hidrelétrica São Luiz de Tapajós, na região Norte do País, que acrescentaria 8 mil MW ao sistema.

O projeto, no entanto, está suspenso desde agosto, quando o Ibama arquivou o seu licenciamento ambiental, ao considerar os prejuízos sociais e ambientais que ele provocaria no território indígena Munduruku. O Ibama avaliou ainda que o estudo de impacto ambiental apresentava falhas.

Em palestra durante o "Fórum de Energia", da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Ferreira Júnior ressaltou o papel da Eletrobras no setor de energia no Brasil e a capacidade da empresa de suprir a demanda nacional. Ele calcula que, em 2017, o risco de déficit no submercado Sudeste/Centro-Oeste é de 0,9%, praticamente nulo. Na região Nordeste, o risco é nulo, segundo Ferreira Júnior.