Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Governo economizou R$ 2,7 bi com eficiência e cruzamento de dados, diz Casa Civil

O governo federal conseguiu economizar este ano R$ 2,7 bilhões com medidas de eficiência e cruzamento de dados na concessão de benéficos sociais. De acordo com a subchefe de articulação e monitoramento da Casa Civil, Natália Marcassa, o avanço no cruzamento dados foi também uma ferramenta que permitiu que o governo conseguisse zerar a fila do Bolsa Família. "Com esse dinheiro será possível produzir mais politicas públicas", afirmou.

Natália apresentou na manhã desta quarta-feira, 29, a jornalistas, ao lado do ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, alguns resultados do programa Brasil Eficiente, que, segundo o governo, visa adoção de medidas para desburocratizar alguns sistemas nacionais, gerar economia, evitar fraudes e melhorar a prestação de serviços.

Segundo Natália, o programa já mapeou 222 iniciativas e já conseguiu concluir 42, o que significa 22%. Além disso, já estão em andamento cerca de 100 medidas.

O governo criou em março deste ano o Conselho Nacional para a desburocratização - Brasil Eficiente. Um dos objetivos principais é criar uma grande plataforma de dados, com todos os entes do governo "conversando entre si" para facilitar o acesso a serviços por parte do cidadão.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo