Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Regulador da China diz que combate manipulação nos mercados a partir do exterior

O regulador do mercado acionário da China afirmou nesta sexta-feira que tinha como alvo o combate à manipulação no mercado a partir do exterior e que trabalhará com autoridades de Hong Kong para combater as atividades ilegais nas negociações.

Alguns investidores têm manipulado os mercados por meio de produtos estruturados altamente alavancados, estabelecendo múltiplas contas no exterior ou se envolvendo em atividades que logram o mercado durante negociações de alta frequência, afirmou a Comissão Regulatória de Títulos da China, em comunicado em seu site. Essas atividades de logro envolvem em geral a entrada com grandes ordens que o operador não pretende executar para mover os preços em favor do operador.

Autoridades do mercado acionário chinês se uniram às de Hong Kong para detectar irregularidades nos negócios, disse o comunicado, divulgado antes do planejado início da ligação dos negócios acionários entre as bolsas de Shenzhen e Hong Kong.

A desenvolvimento dos mercados financeiros trará novos tipos de manipulação no mercado, previu o órgão. Segundo ele, esse tipo de atividade poderá enganar mais os investidores conuns, em particular aqueles que participam de um programa para incentivar a participação no mercado acionário.

A China deve lançar o programa para ligar as bolsas até o fim do ano, o que permitirá a compra e venda de algumas ações selecionadas entre esses dois mercados. O programa foi revelado em agosto, quase dois anos após iniciativa similar entre Xangai e Hong Kong. Fonte: Dow Jones Newswires.