Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Tesouro Direto ultrapassa a marca de 1 milhão de investidores cadastrados

O número de investidores cadastrados no Tesouro Direto aumentou 74,4% no período de 12 meses e ultrapassou em outubro a marca de 1 milhão. Foram 50.539 cadastrados em outubro, totalizando 1.024.433. Os investidores que efetivamente possuem aplicações subiu 73,7% em relação a outubro do ano passado, somando 365.561.

No mês passado, foram feitas aplicações que somaram R$ 1,9 bilhão. O valor médio por operação foi de R$ 10.710,48, mas a maioria (70,3%) ficou abaixo de .R$ 5.000.

Os resgates totalizaram R$ 662,2 milhões, sendo R$ 661,4 milhões relativos às recompras e R$ 700 mil aos vencimentos.

A maioria dos investidores demandou títulos indexados ao IPCA (Tesouro IPCA+ e Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais), que corresponde a 60% do volume total de investimentos . Os prefixados (Tesouro Prefixado e Tesouro Prefixado com Juros Semestrais) corresponderam a 18,4% do total e os indexados à taxa Selic (Tesouro Selic), 21,6%.

As aplicações em títulos com prazo entre 1 e 5 anos foram a maioria (48,8% do total). Os papéis com prazo entre 5 e 10 anos foram a escolha de 25,8% das operações e 25,4% dos investimentos ocorreram em títulos com vencimentos acima de 10 anos.

Em outubro, o estoque do Tesouro Direto alcançou R$ 38,1 bilhões, alta de 4,1% em relação a setembro (R$ 36,6 bilhões) e de 66,2% na comparação com outubro de 2015 (R$ 22,9 bilhões).

A maior parte do estoque (62,4%) é de títulos remunerados por índices de preços, seguidos por títulos indexados à taxa Selic (20,0%) e, por fim, os títulos prefixados (17,5%).

A maioria dos títulos em estoque tem vencimento entre 1 e 5 anos (57,9%). Os títulos acima de 10 anos correspondem a 16,9% do estoque, os com prazo entre 5 e 10 anos a 16,6% e os que vencem em até um ano a 8,7%.