Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Após ameaças, colégio Rodrigues Alves é desocupado em Maringá

Rodrigues Alves era um dos 15 colégios ocupados em Maringá (Foto: Google Street View) - Após ameaças, colégio Rodrigues Alves é desocupado em Maringá
Rodrigues Alves era um dos 15 colégios ocupados em Maringá (Foto: Google Street View)

Estudantes encerraram a ocupação do Colégio Estadual Rodrigues Alves, na Vila Santo Antônio, zona norte de Maringá. Nessa terça-feira (25), eles deixaram o local, mantendo a mobilização em outras 14 escolas.

Segundo o presidente da União Maringaense dos Estudantes Secundaristas (Umes), Luís Machado, os alunos teriam sido ameaçados por pessoas que entraram no colégio, o que motivou a saída em prol da segurança.

Na manhã desta quarta-feira (26), havia a informação de uma ordem de reintegração de posse do Colégio Estadual Brasílio Itiberê, o primeiro ocupado em Maringá, no dia 5 deste mês de outubro. Porém, até o meio da manhã, a Umes divulgou que não havia sido comunicada da suposta decisão. 

Os estudantes são contra a medida provisória do presidente Michel Temer (PMDB) que reformula o Ensino Médio e contra a PEC 241, que congela gastos do governo federal pelos próximos 20 anos, inclusive com saúde e educação.