Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Após negociação, estudantes aceitam proposta e devem desocupar UFPR

(Foto: Reprodução / UFPR) - Após negociação, estudantes aceitam proposta e devem desocupar UFPR
(Foto: Reprodução / UFPR)

Estudantes que ocupam o prédio histórico da Universidade Federal do Paraná (UFPR), devem sair do local neste sábado, segundo o reitor da universidade, professor Zaki Akel Sobrinho. De acordo com Akel, os ocupantes aceitaram a proposta após uma negociação com a direção nesta sexta-feira (4) e devem deixar o local. “Nós aceitamos as condições deles e eles devem informar a imprensa que aceitaram nossa proposta”.

Segundo o reitor, uma das condições dos estudantes é a não criminalização dos participantes na mobilização.

Em nota a UFPR também informou sobre a desocupação:

A UFPR informa que o prédio histórico será liberado amanhã (05/11) ao longo do dia.

Os manifestantes que invadiram o prédio da UFPR, na Praça Santos Andrade, concordaram em desocupar o prédio símbolo da cidade de Curitiba, graças a frutífera e intensa negociação, da Comissão da UFPR para desocupação, composta por representantes da Administração Central e dos setores de Ciências Jurídicas e Humanas.

Desta forma, o diálogo, a negociação democrática e o respeito institucional, formas sempre adotadas por esta gestão, mais uma vez se fizeram vencedoras, contra a intolerância, a violência e a intimidação.