Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Câmara de Graduação indica suspensão do calendário acadêmico da UEL

(foto: Facebook/Reprodução) - Câmara de Graduação quer suspender calendário da UEL
(foto: Facebook/Reprodução)

A Câmara de Graduação da Universidade Estadual de Londrina (UEL) aprovou, em reunião na manhã desta quarta-feira (9) na sala de conselhos, um indicativo a favor da suspensão do calendário acadêmico até que qualquer uma das categorias continue em greve.

Apesar dos servidores técnico-administrativos e professores terem encerrado a paralisação de 18 dias na última sexta-feira (4), os alunos mantêm a greve e a ocupação de prédios como a reitoria e a rádio UEL.

Segundo a reitoria Berenice Jordão, uma reunião deve ser marcada para esta quinta-feira (10) para discutir o calendário acadêmico.

A previsão inicial era de que o ano letivo na universidade terminasse em 20 de janeiro de 2017, com paralisação entre os dias 22 de dezembro e 9 de janeiro.