Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Começa desocupação em seis escolas de Londrina

(foto: Facebook/Reprodução) - Começa desocupação em seis escolas de Londrina
(foto: Facebook/Reprodução)

Agentes da Defensoria Pública e do Conselho Tutelar entregaram, na manhã desta terça-feira (25), mandados de reintegração de posse contra seis colégios estaduais de Londrina ocupados por estudantes em protesto contra a medida provisória que prevê reformas no Ensino Médio.

Os estudantes têm um prazo até o final da tarde para deixar o local. A justiça definiu reintegração de posse nos colégios estaduais Vicente Rijo, Hugo Simas, Marcelino Champagnat, Maria José Aguilera, Ubedulha de Oliveira e no Instituto de Educação Estadual de Londrina (IEEL).

O primeiro colégio a ser desocupado na cidade com medida judicial foi o Albino Feijó Sanchez, em 14 de outubro.

Segundo o movimento “Ocupa Londrina”, até a tarde de segunda-feira (24) eram 27 escolas ocupadas em Londrina.