Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Escolas de Londrina celebram Dia da Consciência Negra

Prosseguem as atividades desenvolvidas nas escolas e centros municipais de educação infantil (CMEIs), em comemoração ao Dia da Consciência Negra, 20 de novembro. Nesta sexta-feira (18), a Escola Municipal Zumbi dos Palmares, localizada na região sul, convida toda a comunidade londrinense a participar do II Momento Afro.

O encontro inter-religioso será realizado às 20 horas, com a participação de representantes de diversas crenças e religiões, como budismo, catolicismo, umbanda, entre outros. A diretora da escola municipal, Marlene Valadão Godoi, contou que a atividade foi muito bem recebida no ano anterior. “Foi um evento bacana, com várias famílias presentes. A expectativa é que esta edição seja novamente um sucesso, e que a atividade prossiga pelos próximos anos”, contou.

Marlene afirmou que na abertura do II Momento Afro haverá apresentação de grupo de capoeira, seguida da Pastoral Afro-Brasileira, com músicas. “Teremos um momento de fala para conscientizar as pessoas sobre tudo o que os negros viveram e ainda enfrentam, como os maus tratos e a discriminação. Ao final, teremos uma partilha de lanche entre todos os presentes. O principal objetivo do nosso evento é valorizar o negro, a cultura africana, e a diversidade”, explicou.

A Escola Municipal Zumbi dos Palmares fica localizada na avenida Guilherme de Almeida, 3.655, no jardim União da Vitória.

O CMEI Valéria Veronesi realiza neste sábado (19) a II Mostra de Trabalhos sobre a Cultura Africana. O evento vai apresentar a toda comunidade atividades que os alunos realizaram em sala, no decorrer do ano letivo. A Mostra estará aberta a toda comunidade, das 10 às 13 horas, na rua Benjamin Constant, 800, ao lado do Museu Histórico de Londrina.

 O supervisor do CMEI Valéria Veronesi, Valdir Oliveira, afirmou que, durante a Mostra, haverá bebidas e comidas tipicamente africanas. “Os alunos conheceram esses quitutes em aula, e os professores vão preparar para este sábado (19). Também teremos oficinas de construção de brinquedos, pintura, e contação de histórias africanas”, adiantou.

 A Escola Municipal Irene Aparecida da Silva, no conjunto Jamile Dequech, também realiza a Mostra África neste sábado (19), das 9 horas ao meio-dia.
 Segundo a auxiliar de supervisão, Joselen Amarins, serão expostos os trabalhos produzidos pelos alunos com base no conteúdo de sala de aula. “Os estudantes vão expor cartazes sobre a fauna e a cultura africana. Em uma das turmas, o tema discutido foi a diversidade, então eles vão falar sobre a importância da igualdade de direitos e das diferenças entre as pessoas”, citou.

 A expectativa é que cerca de 240 alunos participem da Mostra África, com turmas do P5 ao 5º ano, e também da Educação de Jovens e Adultos (EJA). A Escola Municipal Irene Aparecida da Silva fica localizada na rua Olinto Pedrialli, 255.

(com Núcleo de Comunicação da Prefeitura)