Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Unila assina contrato de construção da primeira etapa do novo alojamento estudantil

Unila - Unila assina contrato de construção da 1ª etapa do novo alojamento
Unila

O contrato para a construção da primeira etapa do novo alojamento para estudantes da UNILA foi assinado, nesta quarta-feira (7), pelo reitor Josué Modesto dos Passos Subrinho, e o diretor-geral da construtora Guava Manutenção e Serviços Ltda, Tércio Sathler Garcia. O alojamento será erguido no terreno da antiga moradia, localizado na Avenida Tancredo Neves, 1349. O valor da obra é de R$ 9,9 milhões.

A obra tem prazo de 19 meses para execução, contados a partir da ordem de serviço, que ainda não tem data definida. A vigência do contrato com a construtora, que tem sede em Goiânia (GO), vai de 12 de dezembro deste ano a 11 de outubro de 2018.

Nesta primeira etapa, serão construídos dois blocos de alojamento com 48 apartamentos cada um e capacidade para 192 ocupantes – dois em cada unidade – sendo os apartamentos térreos preparados para receber pessoas com deficiência. Também serão construídos o centro de convivência, estacionamento, bicicletários, calçadas, ciclovia, duas quadras poliesportivas e guarita. O projeto também prevê a instalação de equipamentos e sistemas sustentáveis, como aquecimento solar e uso de lâmpadas de LED.

A execução da obra será acompanhada pela Secretaria de Implantação do Campus (SECIC). "A SECIC fará a fiscalização do contrato. Serão alocados técnicos exclusivos para acompanhamento da obra", explica o engenheiro e secretário de Implantação do Campus, Cleofas Berwanger.

"Estamos fechando o ano atendendo importantes demandas da Universidade", afirma o reitor Josué dos Passos Subrinho, citando também a retomada da construção do novo campus da UNILA, com a licitação de obras protetivas. "Há uma expectativa da comunidade e da cidade pela retomada das obras. Estamos demonstrando aos órgãos do controle que estamos fazendo a nossa parte. A UNILA está tomando as providências necessárias e está preparada retomar importante investimento”, destaca, lembrando que os processos licitatórios estão sendo realizados exclusivamente pelas equipes da UNILA. Esse é o primeiro projeto de obra que a UNILA está realizando sozinha, com autonomia da equipe interna. As obras anteriores tiveram participação de representantes de outras universidades.

Os projetos arquitetônico e complementares foram elaborados, em 2010, pela PJJ Malucelli Arquitetura e Construção Ltda e revisado pela SECIC neste ano - trabalho que durou cinco meses, aproximadamente. A licitação foi aberta no dia 10 de novembro e teve a participação de 14 empresas.

O projeto completo tem quase 8 mil metros quadrados, sendo cinco blocos de alojamento. O alojamento, quando concluído, terá capacidade para abrigar 480 estudantes. Estão previstos ainda biblioteca, salão para eventos, sala de estar e de jogos, cozinha e lavanderia comunitárias, entre outros ambientes. Ainda não há prazo para o início de outras etapas da obra.

O projeto da nova moradia foi objeto de várias discussões e foi reformulado para incluir sugestões feitas pela comunidade acadêmica. O prédio seria construído na Vila C, inicialmente, em terreno doado pela Prefeitura, mas o Instituto Ambiental do Paraná (IAP) negou a permissão.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo